quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

and I think to myself, what a wonderful world ♫


hoje eu jurei pra mim mesma que eu não entraria na internet enquanto eu não terminasse de ler O Mágico de Oz .
terminei rapidinho xD
às vezes eu demoro pra ler alguns livros, porque eu fico fazendo mil reflexões, e imaginando as vozes dos personagens, como eles se vestem, como eles são ... essas coisas, às vezes, se eu não conseguir imaginar isso, eu até abandono a leitura :/
e quando livros se tornam filmes, eu quase sempre fico com a primeira opção .
antes de ler O Mágico de Oz, eu pensava que eu me identificaria mais com o Homem de Lata , porque às vezes, eu acho que eu preciso de um coração, sou meio chorona, e às coisas que não dão certo parecem ter sido feitas pra mim em certas horas .
quando eu era mais nova, eu gostava de assistir ao desenho, e adorava o Leão, mas, eu também não me identifiquei muito com ele .
me identifiquei muito com o espantalho . em certos momentos ( principalmente quando eu estou escrevendo aqui ), eu me sinto em busca do meu cérebro, assim como ele, eu acho que as pessoas só vão me tratar com respeito se eu tiver um .
a Dorothy é uma gracinha, mas, esse negócio de perdoar tudo e ser boazinha, às vezes, me tira do sério .
o Totó, apesar de ser só um cachorro, é mais determinado do que muita gente que eu conheço .
eu queria ter lido esse livro antes, mas, eu não tive oportunidade, eu penso que eu seria um pouquinho melhor se eu tivesse lido .
e a Terra de Oz, é um lugar em que eu gostaria de viver . *-*
enfim, eu acho que no fim das contas, eu sou meio que como todos eles, eu sigo em frente, buscando uma coisa que às vezes, eu nem sei direito o que é, e alguém que eu nem sei se realmente existe, não ligo muito pra diferenças, e tento ser o mais esperta possível, porque eu sei que tem gente, tentando me fazer desistir .

Nenhum comentário:

Postar um comentário