sábado, 22 de outubro de 2011

...a maldade de quem nada sabe ♫



aos que dizem que eu sou estranha, mal educada, mal vestida chorona, com mau gosto, fresca, maluca ou o que quer que seja :
1 eu odeio que falem de mim, mas, se insistirem com isso, me façam o favor de pelo menos falar a verdade.
2 se vocês acham as minhas roupas feias, ÓTIMO, não gosto de ver gente vestida que nem eu por aí.
3 se eu digo que um cara é bonito e vocês não concordam, eu não ligo, porque eu não gosto de concorrência.


4 as lágrimas são minhas, e vocês não pagam as minhas contas, então, eu choro quando eu quiser.
5 eu recebi educação sim, e também sei que pra salvar o planeta eu tenho que evitar o desperdício.
6 não gosto nem de arroz, nem de feijão e nem de carne, mas, gente intrometida também não me desce.
7 maluquice tem cura, mas, vocês também não vão pagar a conta do médico né ?
8 prefiro ser fora do padrão do que não ter caráter, assim como eu prefiro conviver com gente dessa foma.
9 odeio gente que reclama de trabalhar de graça, mas, que adora falar da vida alheia a troco de nada.
10 posso ser brava e chata, mas, o que eu falar de você quando você não estiver
perto, eu vou falar na sua cara .
11 eu posso falar demais e/ou ser exagerada quando eu falo, afinal, a voz serve pra isso, mas, mesmo tendo audição, você não é obrigado a escutar.
12 não tenho nada contra opinião própria, logo, você pode discordar de mim, eu só tenho algo contra quem tenta mudar a minha opinião quando ela não prejudica absolutamente ninguém.
13 não tenho nada contra vira-latas e/ou hippies, que muita gente chama de " sujos ", afinal, um banho resolve a sujeira, mas, eu conheço muita gente que mesmo tomando banho todos dos dias FEDE !

grata pela atenção



[ texto, cujo eu coloquei parte essa semana no meu Facebook ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário