terça-feira, 6 de novembro de 2012

I used to sit next to you at school ... ♫


Já faz um tempo que eu tenho vontade de falar disso aqui no blog, mas por coincidência, eu só tive tempo nesta semana, que coincide com o show do The Darkness no Brasil. A banda vem ao país pela primeira vez para abrir os shows da Lady Gaga (não gostei disso, quero um show só deles).
O título deste post é um trecho da música Friday Night, e nada mais justo do que inaugurar esta categoria com foto de dois membros da banda.

A inspiração surgiu dos filmes,seriados estadunidenses. Perdi a conta de quantos filmes/seriados que eu assisti que alguém olhava o anuário. Já parou pra pensar que aquela pessoa que estuda com você pode mudar totalmente (ou não) e ficar famosa? [Nas escolas onde eu estudei as fotos ficam no corredor (medo das minhas HAHA)]






As gracinhas da foto são os irmãos Justin e Dan Hawkins, ambos são guitarristas da banda. Justin também é o cantor da banda, e o Dan é backing vocal.
Pra quem não conhece, eu indico. Tem riffs legais, um vocalista dançante muito glamour (HAHA). Parece uma banda de rock dos anos 80, mas é de 2000.
Se alguém ficou curioso, tão aí duas músicas: Love is only a feeling e Growing on me. (também indico Girlfriend, Everybody have a goodtime e Nothing gonna stop us)

Eles não mudaram muito.
E aí? O que acharam ?
Algum leitor vai ao show ?


(Encontrei as fotos aqui)

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

parabéns Flávio!

No ano passado, eu fiz um post de aniversário pro Fabiano Carelli, e lembrei que o aniversário do Flávio era no outro dia, mas esqueci de postar. Neste ano eu vim me retratar.
O Flávio é um excelente baixista, escreveu "Fátima" (junto com o Renato) na época do Aborto Elétrico, música que foi herdada pelo CI e ainda é tocada nos shows, e apesar de ser meio na dele, ele cativa os fãs.
Meus posts sobre os meus ídolos sempre soam clichês, mas eu desejo ao Flávio tudo de melhor que houver nessa vida, porque ele merece.
(e parabéns pro Fabi também )

Ps: tá aí o quinto vídeo sobre a gravação do novo CD do CI (Saturno)
Ps2: tá aí a música nova pra quem ainda não ouviu.

domingo, 14 de outubro de 2012

Turma da Mônica Jovem nº 50 - Edição Comemorativa

Finalmente saiu a polêmica quinquagésima edição da Turma da Mônica Jovem. Eu estava curiosa sobre esta edição, então resolvi comprar e fazer as minhas considerações.
Quando esse mangá dos trópicos começou a ser publicado, eu queria muito, assim como queria a Luluzinha Teen, mas eu já comprava Hellsing e Full Moon na época, então eu não tive dinheiro para comprar tudo. Uma prima mais nova ganhou de presente e eu li algumas, e muita gente fala mal e tudo, mas eu gostei de ambas. (a Luluzinha fica pra outro dia)
O que eu achei legal é que mesmo com as histórias da turma crescidinha, as histórias deles crianças não deixaram de ser publicadas, e mesmo como tempo a essência deles não mudou muito(mas volto a dizer que li poucas, logo se eu estiver errada, me corrijam).
Não acho graça contar o fim da história, mas posso adiantar que não é exatamente o que a maioria pensou quando soube que a Mônica e o Cebolinha iam ser casar. E a edição ainda vem com um pôster lindo.
Alguém aqui já leu? Se sim,o que achou?

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

os melhores momentos que posso sofrer ♫ (parte 3)

Fê ♥ (a outra menina é a minha amiga da faculdade, Jéssika)
Ultimamente o Capital tem sido um assunto freqüente aqui no blog.
Nesse post contei que eu os conheci pessoalmente, em Agosto deste ano, foi uma emoção indescritível. No dia 22 de Setembro eu fui ao show deles em Juiz de Fora-MG e para a minha surpresa consegui reencontrá-los! Finalmente comprei o Levadas e Quebradas, o livro que o  escreveu (começou como um blog no MySpace) e consegui o autógrafo dele. Desta vez não deu pra falar e nem tirar fotos com todos eles, mas não tenho muito do que reclamar. O show foi perfeito, muito emocionante (direi isso a cada show deles).
Estar perto do seu ídolo é um emoção incomparável. Em menos de um ano, couberam muitos abraços. É muito bom quando o seu ídolo olha pra você na hora do show e tenta te alcançar, mas mesmo que ele não te olhe, de certa forma e ele te alcança. Além de conhecer aqueles que amamos, também fazemos amigos novos que também os amam, e nós também ficamos felizes um pelo outro. Tem gente que acha que é sorte, pode até ser, mas é bom contar com a sorte e correr atrás do seu sonho ("Quem não tem nada, não tem nada a perder. Se quem espera sempre alcança, comece a correr." ♫) , existem alguns inconvenientes pelo caminho, mas encontrar com o seu ídolo vale a pena. Desde 2004, Capital Inicial ♥. (Receber um agradecimento de alguém a quem você é grato não tem preço.)

Obs: não consigo colocar muitas fotos em um post, então escolhi essa foto com o Fê porque o livro dele (ainda não terminei de ler, mas estou apaixonada) é um dos temas deste post. As outras fotos estão aqui.




4 vezes Capital Inicial : A Gravação do novo CD

(Alguns já devem saber disso, mas já que é sobre a minha banda preferida não me custa compartilhar.)
O Capital Inicial está gravando o décimo terceiro CD da carreira e para a alegria dos fãs, eles disponibilizaram vídeos para acompanharmos o que está rolando (até agora são 4). Já saíram o nome de três músicas, "O lado escuro da Lua" ("homenagem ao Pink Floyd" - palavras do Dinho) e "Sol entre nuvens", a primeira é do Dinho e do Alvin L. e a segunda é do Dinho e do Pit Passarell (irmão do Yves, baixista da Viper), a outra música se chama "Saquear Brasília".
Agora é esperar e acompanhar os vídeos pra amenizar ou aumentar ainda mais a ansiedade.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Hey you!

Estou longe do blog por motivos de "A greve acabou", volto em breve pra contar o que aconteceu nesse tempo que eu estive fora. Vi que recebi algumas visitas, agradeço.
Volto em breve pra contar o que aconteceu e pra mostrar coisas legais (assim espero).
Um beijo.

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

5 anos

5 anos desde quando nos conhecemos. Achei que era o dia mais feliz da minha vida, mas não foi. 3 anos desde que você foi embora, achei que era o dia mais triste da minha vida, mas não foi.
Nesse tempo todo aconteceram várias coisas boas, e hoje, depois de parar pra pensar, eu percebi que quase todas as coisas boas aconteceram depois que você foi embora. Muita gente atrapalhou, é verdade, a minha felicidade hoje não justifica o que eles fizeram, mas talvez,  se tivesse dado certo, essas coisas boas não teriam acontecido.
Vendo a minha vida hoje, eu vejo que eu aprendi muito, não me arrependo das coisas ridículas que eu fiz, apesar de que elas foram bem mais ridículas do que parecem ser agora. Agradeço por você ter chegado, mas agradeço mais ainda por você ter ido embora.

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

... será que existe alguma razão pra viver assim ? ♫


Já fiz um post sobre o dia da independência aqui no blog, o post de hoje é sobre independência, mas é diferente.
Acho horrível quando as pessoas dizem que te amam, que se importam com você, mas só sabem te dizer o que você tem que fazer e nunca aprovam as coisas certas que você faz. Conviver com pessoas iguais todos os dias pode se tornar enjoativo com o tempo, mas conviver com pessoas diferentes e que não respeitam a sua opinião (isto é diferente de discordar) não é bom. Não gosto que as pessoas que discordam de mim me façam ameaças dizendo que vão me deixar, prefiro que elas me deixem de uma vez, que sejam livres e que me libertem também. Quero almoçar o que eu quiser, assistir Chaves até cansar, ouvir música alta, assistir Power Rangers, ler livros e ler mangás em paz, rir alto, expressar o meu amor pelo Capital Inicial, desligar o telefone, ver documentários sobre o reino animal na televisão, reclamar, usar canetinhas pra desenhar nas minhas coisas e em mim, me vestir que nem um desenho animado pra sair na rua, pintar o cabelo, decorar as unhas, assistir mais uma vez aqueles filmes e aqueles animes que eu já vi um milhão de vezes, e também assistir coisas novas, tirar as minhas bonecas do lugar quando eu quiser, ter o direito de sair e o de ficar em casa e arrumar as coisas do meu jeito. Eu sei que tem hora pra ser assim, só quero poder fazer essas coisas nessas horas. Se a pessoa só quer prender a outra, ela pode até se preocupar com ela, mas não do jeito que deveria, logo, amor não é.
Para todas as pessoas de espírito livre, e para os fãs de Capital Inicial, um feliz dia da Independência.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

blogs que eu leio

Nesse post eu falei de alguns blogs que eu leio, mas como são muitos e eu descubro pelo menos um blog diferente a cada dia, resolvi fazer outro post.

Capitalianas du Calendário: na verdade, essa é uma página do Facebook feita por quatro amigas, é sobre o meu, o nosso amado Capital Inicial e o tema principal é o humor.

Glam Groupies: amei esse blog assim que eu o conheci, tem de tudo por lá: moda, DIY, cuidados pessoais, filmes, decoração e por último, mas não menos importante, música (bandas internacionais, nacionais e divulgação de bandas novas, e é sempre bom repetir que este último é muito importante).

Garotas Nerds: games, HQ's, cinema, design, cobertura de eventos e tudo mais o que tem haver com o universo nerd. Não indico apenas para nerds, pq eu não sou nerd e leio o blog.

Rangers Stage: blog pra quem gosta de Power Rangers (na verdade eu visito outros também, mas pra não ficar vários assuntos na mesma lista, fica pra outro post).

The Seventh Wall: blog pra quem gosta de música e CD's. (é sobre críticas).

Bom, é isso (se comparada com a outra lista essa ficou pequena, né ?). Se vistarem os blogs e gostarem, comentem e divulguem, e voltem aqui pra contar se já os conheciam e/ou o que acharam.

terça-feira, 28 de agosto de 2012

O conto do nerd e seu coração partido - Soulstripper

Saiu o clipe novo do Soulstripper ( falei deles aqui ),  como eles disseram lá no Twitter (@soulstripper) é "(...)especialmente para os nerds de coração partido e para as garotas de trança." (estou de trança hoje xD). Adorei os desenhos!
E como recordar é viver, tá aqui o link de "Não trocaria um sorvete de flocos por você".
Como eu já disse aqui, acho muito importante divulgar o trabalho dos artistas nacionais, isso serve para os brasileiros perceberem que existem sim bandas boas aqui no Brasil, e cabe ao público que se identifica com alguma delas divulgar. :)

domingo, 26 de agosto de 2012

Absinto Muito (parte 2)


Nesse post eu falei da Absinto muito. Hoje eles postaram no Facebook (curte lá) que o clipe novo deles já passou de 10.000 visualizações. Então, tá aí pra quem quiser assistir e pra quem quiser divulgar também.
Acho muito importante divulgar as bandas novas, principalmente quando elas são boas.


Full Moon Wo Sagashite

Full Moon Wo Sagashite é um mangá shōjo da autoria de Arina Tanemura, começou a ser publicado em 2001 na revista Ribon (lá no Japão) e tem uma versão anime de 52 episódios que foi feita em 2002.
Em 2009 eu comecei a assistir vários animes, entre eles estava o Full Moon, pouco tempo depois, dei de cara com o mangá na banca. Como eu já estava terminando Hellsing e ele era pequeno(7 volumes) resolvi comprar. :3
A história é sobre Mitsuky Koyama, uma menina órfã de 12 anos que sonha ser cantora e também sonha em reencontrar um garoto que conheceu no orfanato (Eichi), mas que foi adotado por uma família dos Estados Unidos pouco depois de se declarar para ela.
Mitsuky tem apenas mais um ano de vida, mas tem alguém que está tentando impedir a sua morte, e é aí que "a apavorante dupla de shinigamis Negilámen" (tá escrito assim no mangá, mas o Google me corrigiu i.i), Takuto e Meroko entra na história. (mais tarde aparecem outros shinigamis, como por exemplo o Izumi e o Jonathan).
(não gosto de spoilers, então,vou parar a história por aqui)
Não terminei de ver o anime, só terminei de ler o mangá (3 anos depois, mas eu terminei e_e), acho que tinha tudo pra ser uma boa, mas peca em alguns aspetos, como por exemplo, a protagonista é muito chata, tá certo que ela tem uma doença grave, mas ela é muito chorona e todo mundo gosta dela mesmo assim, achei isso um saco. Gosto muito mais da Meroko e do Gu Chan (o porco). Mas a parte chata da história é compensada pelas ilustrações que são lindas, e alguns dos volumes contém histórias extras.
Apesar de não ser um dos meus preferidos, eu recomendo.

sobre o blog e a minha ausência

Enrolo pra fazer os posts, mas morro de saudade daqui, mas a verdade é que as vezes o blog me desanima um pouco. Vejo várias visitas, mas quase nunca um comentário, já fiz enquete, disseram que o blog é ruim (mas agradeço a quem disse que é bom), mas ninguém sugeriu o que deveria melhorar, e isso é frustrante, mesmo o blog sendo algo pessoal ...
Não tenho a ambição de ser popular na Internet, só quero a opinião de quem lê o meu blog.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

os melhores momentos que posso sofrer ♪ (parte 2)

Dinho ♥
Lembram desse post? Eu estava muito feliz porque conheci o Dinho. Agora, multipliquem isso por 6! Conheci o Capital Inicial! Foi um dos momentos mais lindos da minha vida. Eu esperava por isso desde os meus 11 anos, e comecei a gostar deles justamente em agosto, logo, a emoção foi maior! Sempre me faltam palavras quando eu falo deles ou eu pareço a pessoa mais clichê desse mundo, mas me apaixonei por eles ainda mais. São todos lindos e uns amores! ♥ Agradeço a Deus, meus parentes e amigos, ao Fã-Clube e a todo mundo que me ajudou e que torceu por mim. (e eu faria tudo de novo). Mais fotos aqui.

procura-se um ranger vermelho ! (parte2)

tão lindinhos em Kickboxing Academy (1997) *-*
(peço desculpa pela minha ausência nos últimos dias, mas voltei com ótimas notícias !)
Falei nesse post que não fazia idéia de como o Christopher Khayman Lee estava hoje em dia. Pois bem, criei coragem e escrevi um e-mail pra Chyler Leigh. Ela foi muito fofa e disse que ele está bem. Fiquei muito feliz com essa notícia, porque ele merece toda a felicidade do mundo!
obrigada por tudo Chyler, sua linda! ♥

PS: A Chyler é essa da foto. Ela interpretou a Cindy de Kickboxing Academy em 1997, quando o Christopher ainda usava o nome de Christopher Lee. Eles faziam um par romântico nesse filme, mas apesar da polêmica que as pessoas gostam de fazer em torno disso, eu não acho que seja tão terrível, afinal, eles estavam atuando né gente ? Esse filme é muito bom, vale a pena ver ! Acho que não tem versão brasileira, eu assisti a versão original.

sexta-feira, 20 de julho de 2012

dia do amigo.

Sempre procuro dizer pros meus amigos o quanto eu  gosto deles,e não precisa de data especial pra isso, mas não custa afirmar. Então, desejo a todos os meus amigos próximos, que estão distante, que já foram mais presentes, com quem eu tenho pouco contato, da época da escola, do cursinho, da faculdade e que eu só conheço pelo correio/Internet um feliz dia do amigo e que eles possam ter amizades verdadeiras e pessoas com quem possam contar e vice-versa. (e peço desculpas a alguns deles pela minha ausência)

quadrinhos queridos

(Sumi e voltei mais uma vez)
Sempre gostei de histórias em quadrinhos (odeio admitir, mas nisso eu me pareço com o meu pai e_e) , ganhei meu primeiro mangá em 2001, e a primeira história em quadrinhos bem antes disso, mas até pouco tempo atras eu nunca me dediquei a ler uma coleção inteira por inúmeros motivos. De uns tempos  pra cá elas viraram modinha, foram relançadas etc e etc, talvez este tenha sido um dos fatores que me levou a criar vergonha na cara e terminar pelo menos uma coleção em 2012. Como o resultado foi positivo, resolvi compartilhar aqui no blog, porque talvez ajude alguém. (fiz a lista pela ordem que eu li)

1- Watchmen (1999; de Alan Moore e Dave Gibbons ; DC Comics) : É uma história de super heróis, porém não tem tantas aventuras como as outras, na maior parte do tempo os heróis da história (a maioria deles não tem superpoderes) tentam salvar o mundo deles mesmos. A história me fez chorar e eu recomendo muito mesmo. Foram lançadas 12 edições, mas já existe a edição definitiva. (Se alguém quiser me presentear eu não ligo HEHEHE)



2- SandLand (2000; de Akira Toriyama; Conrad Editora) : Uma história sobre amizades improváveis (humanos e demônios), guerras, sobrevivência e abuso de poder. Muito boa de ler e tem algumas partes muito previsíveis, mas vale a pena a leitura. Foi lançado apenas um volume. (Comprei o meu em um sebo).
[ obs: se alguém está se perguntando, Akira Toriyama é o cara do Dragon Ball que foi relançado e está com o volume 3 prestes a chegar nas bancas]



3- Dead Boy Detectives (2006; Jill Thompson; Conrad Editora/Vertigo) : Tem e não tem ligação com Sandman (sou louca pra ler), visto que a autora faz -entre outros trabalhos- histórias nas quais os personagens são de Neil Gaiman (autor de Sandman). É a história de dois amigos que se conheceram após a morte e precisam solucionar o mistério do desaparecimento de uma garota em um internato para meninas Tem algumas participações especiais. É fofa, engraçadinha e surpreendente. Tem cara de história de menina, mas eu recomendo para ambos os sexos. Recomendo também para os fãs de Ozzy Osbourne (leiam a história para saber o motivo xD ) Volume único(também comprei o meu em sebo)



4- V de Vingança (1982/89; Alan Moore e Dave Gibbons; DC Comics/Panini) : A máscara usada pelo protagonista se tornou popular este ano, não ? É uma história sobre ... vingança, mas não apenas isso, também fala de manipulação da população, abuso de poder, arrependimento e decisões certas ou erradas a se tomar. A história me deu muita raiva em certas partes, mas é muito boa e tem várias citações (até mesmo os queridíssimos da banda de meio século Rolling Stones.) Não me lembro quantas edições foram lançadas, pois comprei a edição definitiva na banca, pelo preço que foi (R$25,00) achei que valia a pena.
agora que eu me liguei que o título de todos os capítulos começa com a  letra V.
Então, é isso. Espero voltar em breve falando de mais HQs/mangás legais. Quais são as preferidas de vocês e/ou as que vocês tem vontade de ler?

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Cartoon Closets

Já pensou em se vestir como o seu personagem preferido sem precisar esperar pelo próximo evento de cosplay ? Ou em fazer uma releitura do figurino dele ? (eu já HIHI)
Dia desses descobri o Cartoon Closets, um tumblr de looks inspirados em personagens.
Pra sair "fantasiado" no dia-a-dia. :)

sábado, 23 de junho de 2012

... fashion put it all on me ... ♫ (parte3)

hoje em dia eu acho uma gracinha essas bonecas,
apesar d'elas terem vida curta. tive algumas, mas
na infância eu detestava HAHA
Quando eu tinha uns 13 anos (além de ser brega que só KKKK) eu queria estudar moda, e foi assim até o ano passado, mas devo confessar que mesmo com um aperto no coração por isso, estou a ponto de desistir. Muita gente que eu conheço foi contra, mas esse não é um dos motivos.
A moda deveria ser uma forma de expressão,                          mas ultimamente até nos - antes cheios de fotos de gente realmente estilosa- blogs de street style (quase)tudo o que se vê é gente igual.
Camisas de banda, caveiras, acessórios de cruzes ou de olhos, creepers, (coisas que eu sempre gostei, mas não tenho a maioria delas) etc e tal antes mal vistos, agora são mais acessíveis, essa é a parte boa, mas também a parte ruim, visto que qualquer um pode comprar - e usar.
Não sei o que é pior, quem torna as coisas modinha por causa do dinheiro, ou quem gasta dinheiro em coisas que nem gosta só pra estar na moda.

... Well,we got no class ... ♫

me identifico com esta imagem ._.
Greve dos professores e dos servidores das Universidades Federais já dura pouco mais de um mês, e pode soar bem egoísta da minha parte, mas quando isso tudo começou eu fiquei feliz pois conseguiria ficar em dia com os trabalhos, mas eu não contava com a astúcia dos professores em passar milhões de trabalhos pra esse momento (já que eu não terei férias, podiam me permitir aproveitar agora né ? ¬¬').
Os professores reivindicam entre outras coisas um aumento de salário, mas cá entre nós e sem querer desvalorizar a profissão alheia, se eles que tem um emprego estão desse jeito, imaginem os alunos sem tempo disponível pra trabalhar e que não podem arrumar um emprego nesse meio tempo visto que a greve é por tempo indeterminado ...

domingo, 17 de junho de 2012

... I don't wanna be told to grow up ... ♫

(posts quase sempre atrasados -.-') 
Dias atrás eu estava xeretando o meu próprio blog, aí eu percebi que ele completou três anos no último dia 5, e apesar de não escrever aqui todos os dias eu nunca pensei que ele fosse durar tanto tempo.
Sempre tive vontade de ter um blog, porque dos 7 aos 14 anos +/- eu escrevia diários (que assim como este blog não eram atualizados todos os dias) onde eu falava das coisas que eu gostava e da chatice das pessoas ao meu redor. Semana passada eu precisei arrumar o armário, e lá estavam os meus antigos diários, (todos foram presentes) o primeiro (na verdade eu tive um antes desse, mas desapareceu) da época em que eu ainda estava aprendendo a escrever era cheio de erros de Português, os outros cheios de adesivos e rabiscos. (no primeiro eu falava de Power Rangers no espaço, no último de X-Men).
Aos 16 anos eu ainda ganhava diários, mas não tinha mais tempo/vontade e/ou coisa parecida pra escrever em um, então resolvi fazer um blog pra lembrar do dia em que eu salvei uma vida, a vida de um grilo. Queria fazer deste blog um diário, mas desisti. 
E hoje, aqui estou, depois de ler e reler as minhas aventuras e desventuras no papel e na Internet. Não tinha percebido até então que do ano 2000 pra cá eu não mudei quase nada, meus diários não contém fatos diários, ainda cometo erros de Português, ainda gosto de Power Rangers, X-Men e filmes do Tim Burton, ainda não li Harry Potter nem O Senhor dos Anéis (e nem vi todos os filmes), ainda adoro Sessão da Tarde, ainda vejo Mulan e Chaves e ainda existe muita gente chata implicando comigo. Mas aqui também existem outras histórias e coisas que apesar de existirem naquela época não eram tão evidentes, como a revolta com a escola e a paixão por Capital Inicial e Peanuts. Em junho de 2009 eu comecei a escrever aqui, poucos dias depois eu li Peter Pan, e apesar de sempre achar que eu era uma menina crescida, agora eu sei que de alguma forma eu sempre vou fazer parte do grupo dos Meninos Perdidos.

terça-feira, 12 de junho de 2012

educação sentimental ♫

















E como todos sabem é o dia dos namorados aqui no Brasil, mas como muita gente reclama da data, hoje li um tweet do @caodadepressao chamando o dia de hoje de dia do recalque , e a expressão também se encaixa muito bem, mas em partes.
Quando a data está próxima o que mais de vê nas redes sociais é gente reclamando da solidão e vez ou outra do materialismo de certas datas comemorativas. Que é chato é, mas no fundo essas pessoas tem um pouco de razão, pois se os apaixonados podem falar de amor na Internet, porque os solteiros reclamões também não tem esse direito? É praticamente a mesma coisa ... (e todo mundo sabe que dependendo de quem vem o presente não quer dizer nada)
Estar solteiro é uma coisa, mas estar rodeado de casais e ficar sobrando é outra história (que por sua vez é muito triste). Do mesmo jeito que é muito bom ter vários amigos meninos (sim, amizade entre homem e mulher existe), mas é muito ruim quando algum deles arranja uma namorada que te odeia e quer separar vocês.
Então, todos os dias, mas ainda mais em datas como a de hoje fica a esperança de que as pessoas (comprometidas ou não) usem o bom senso em todos os relacionamentos.

Para aqueles que gostam de rir da sua própria tristeza e/ou saber que não são os únicos que se são zicados e/ou que estão com o coração partido sempre haverá  Peanuts e Soulstripper.

E para todos os casais simpáticos que eu conheço: feliz dia dos namorados! (e também para todos os meus namorados que as más línguas inventaram pra mim e para os meus amigos que eu já fingi que namorei HAHA)

quinta-feira, 7 de junho de 2012

procura-se um ranger vermelho !

Andros <3

Em 2011 eu recomecei a assistir Power Rangers. Como o Google facilita a vida de todo mundo na hora de achar algo ou alguém, resolvi saber o paradeiro dos atores. Comecei a procurar pelos de Mighty Morphin (e fiquei muito triste de saber que a Thuy Trang - Trini/Ranger Amarela havia morrido em 2001), e depois procurei pelos atores da temporada No Espaço (que como já disse, é a minha preferida), foi aí que o meu drama começou, não tinha quase nada sobre o Christopher Khayman Lee, que interpretava o meu ranger preferido, o Andros/Ranger Vermelho.
Depois de Power Rangers, o Christopher fez participações em Sétimo Céu [7th Heaven] (1999)  e em That '70 Show (2004) (séries que eu sou louca pra assistir, mas ainda não assisti) e atuou em A light in the forest (2002) (não sei se esse filme chegou ao Brasil, e se sim não foi com o nome original traduzido ao pé da letra  /o filme é infantil, estilo Sessão da Tarde, mas parece ser bem legal) e depois disso ele não apareceu muito por aí. Li neste blog coisas que me deixaram realmente assustada - lá diz que ele talvez esteja com depressão - e eu nem consegui saber se é  verdade ou não, pois não tem muitas muitas notícias sobre ele nos dias de hoje. Encontrei uma página no Facebook feita por um garoto que é fã dele, mas lá a maioria das pessoas está no mesmo barco: só perguntas, boatos e nenhuma resposta. Tentaram perguntar para a irmã dele (Chyler Leigh, que também é atriz), mas até agora não houve resposta.
Apesar do mistério e dos boatos, eu espero de verdade que ele esteja feliz, o Andros é uma das melhores lembranças da minha infância e eu torço muito para que a "parte existente" (não sei bem se é este o termo) dele esteja bem.

Sétimo Céu

A Light In The Forest 
 Alguém aí sabe de alguma coisa ?
Se sim, por favor me avise!

sexta-feira, 1 de junho de 2012

... a broken heart can't be that bad ... ♫

 O título do post é o trecho de uma música do Mr. Big, mas define perfeitamente os temas das músicas feitas pelo Soulstripper.


do site oficial da banda: " (...) A banda toca um rock & roll despretensioso e muito, mas muito divertido. Com duas guitarras e uma bateria (pois é, não tem baixo), o som remete a vários estilos de rock de ontem e hoje, com um pezinho no rock clássico. Dá pra perceber claras influências de blues e Jovem Guarda em suas canções. Mas foi de uma música do australiano AC/DC, do lendário guitarrista Angus Young, que foi tirada o nome da banda.

 Além das músicas animadas e dos solinhos e riffs deliciosos, o mais legal na Soulstripper, são as letras das "músicas de amor". São descaradas, divertidas, atrevidas e... Muito caras de pau, na verdade. E por isso que é bacana. (...) "

Descobri no mês passado e como todo mundo tem uma playlist que embala os momentos de coração partido, eu nem pensei duas vezes em colocar o nome da banda na minha lista. Geralmente as músicas nesse tipo de lista aumentam ainda mais a tristeza, mas não as dessa banda, o efeito é totalmente contrário, quem ouve certas músicas deles pode até não concordar com certas coisas, mas é impossível não achar graça.

Ps: se o Charlie Brown fizesse parte de uma banda, com certeza seria desta !

A knight's tale

Wat: You have been weighed.
Roland: You have been measured.
Kate: And you have absolutely...
Chaucer: Been found wanting.
William: Welcome to New World. God save you, if it is right that he should do so.




Heath Ledger, Queen, Thin Lizzy, aventura, feministas, cabelos coloridos e um visual incrível, um dos melhores filmes da Sessão da Tarde. ♥

quinta-feira, 31 de maio de 2012

... o mundo precisa de vocês ... ♫

Uma vez uma amiga me disse: "As melhores coisas nasceram em 1993." , obviamente ela disse isso porque foi o ano do nosso nascimento e verdade ou não uma das coisas da minha lista de melhores coisas da infância também nasceu nesse mesmo ano, Power Rangers!
Confesso que não acompanhei todas as temporadas. Vi Mighty Morphin, No Espaço (minha preferida), bem pouco de Força de Tempo, Força Animal, Tempestade Ninja, SPD e Samurai, e RPM quase toda. Também vi os filmes e quase chorei quando li que foi lançado em 3D mas não chegou a ir pro cinema porque acharam que não daria audiência (ACORDA!).
 Em 2013 os nascidos em 93 completarão 20 anos. Estou ansiosa para descobrir qual será a comemoração (a de 10 anos foi o episódio Forever Red onde tinham todos os rangers vermelhos até aquela data), mas até lá vou tentar assistir todas as temporadas (e falar várias coisas a respeito aqui no blog).

segunda-feira, 28 de maio de 2012

... na casa do Senhor não existe Satanás ... ♫

Já reclamei aqui várias vezes que muitas pessoas consideram atitudes minhas que são supernormais como coisas que não são de Deus. E isto me irrita cada vez mais. Essas pessoas são um bando de imbecis, parecem mais satanistas do que as pessoas que se dizem dessa forma, porque no fim das contas são elas que o veem em tudo, não é mesmo ?

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Titanic 3D


Finalmente consegui escrever este post !
Eu realmente gostaria de ter assistido no dia da estréia, mas, até agora eu não sei se realmente estreou no dia certo nesse cinema.
Já estava avisada de que o filme não tinha muito 3D, mas teve beeeeeeeeem menos do que eu esperava, mas isso não me impediu de chorar, mas pelo menos o  Coração do Oceano sendo lançado ao mar (o que me me lembra essa música) é em 3D, esse palpite eu acertei.

OBS: meus amigos, Igor e Bárbara. Outros amigos assistiram o filme conosco, mas, eles não quiseram tirar foto. :(

OBS2: pessoas, o filme tem momentos engraçados, muito poucos, mas tem, mas é absurdamente irritante vocês rirem o tempo todo, ainda mais de pessoas morrendo (e mais ainda quando o filme é sobre uma tragédia que realmente aconteceu), me preocupo seriamente com vocês, e peço que vocês aprendam a calar a boca dentro do cinema. grata.

domingo, 15 de abril de 2012

Absinto Muito


Do site oficial da banda: "A Absinto Muito é uma banda de rock composta por 4 integrantes : Renato na guitarra, André na bateria, Henrique o baixo e Godoy no vocal. Suas principais influências são o blues e o rock`n`roll dos anos 60/70. "
A banda me fez lembrar o Black Crowes, que também é de bem depois dos anos 70, mas parece que saiu direto dessa década.
Ontem teve show deles no Grito Rock em Três Rios - RJ, foi a segunda vez que eles vieram, mas foi o primeiro show deles que eu vi. O show foi muito bom, as músicas são ótimas e os caras da banda são muito legais, estilosos e simpáticos.
vale a pena conferir. :)

versões alternativas de filmes

Já escrevi aqui uma vez que eu não me conformo com o final de alguns filmes, e fuçando no YouTube, achei por um acaso, vídeos de versões alternativas de dois filmes.
A primeira é do Titanic (sim, é só falar essa palavra perto de mim uma única vez e eu falo desse assunto durante semanas), continua sendo bem triste, mas ainda sim achei menos "dolorosa" do que a versão original. O que eu achei interessante é que ela é feita com cenas de vários outros filmes do Leonardo DiCaprio. - Tem um comentário lá que dá uma outra ideia que eu também achei bem legal.
A segunda é um trailer d'A fantástica fábrica de chocolate, do Tim Burton, que muda o gênero do filme para o suspense. O que eu gostei é que todas as cenas são realmente do filme.
Espero encontrar outras versões de filmes que eu gosto, vídeos assim são uma "brincadeira" muito legal.

sábado, 14 de abril de 2012

sobre a cidade grande

Durante muito tempo, eu quis sair da minha cidade pequena, e consegui, mas as pessoas da cidade grande não tem a mínima educação, acham que se você entrar no ônibus você tem culpa de elas se atrasarem pra trabalhar, te dão bolsadas, gritam com você e fazem de tudo pra te fazer de besta, e esses são só alguns exemplos. Por que diabos eu fui querer ir pra um lugar mais civilizado ? Será que eu esqueci que as pessoas civilizadas são aquelas que ironicamente agem com falta de civilização ?

blog, história e cinema

Dentro de poucas horas, o naufrágio do RMS Titanic completa 100 anos.
Ontem, estreou o filme em 3D, estou ansiosa pra assistir, mesmo tendo lido que nem tem tanta coisa em 3D assim (vou mesmo porque apesar do filme ser triste, eu gosto muito). Li uma reportagem que dizia que o James Cameron queria fazer um filme novo, mas foi barrado porque o orçamento dos filmes dele é sempre enorme, o que foi bom, porque seria estranho, mesmo se o filme novo fosse muito bom.
E pra quem gosta de Titanic e quer saber mais, tanto sobre o filme quanto sobre a história do navio mesmo, eu indico o blog Titanicfans.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

... na vida coisa mais feia é gente que vive chorando de barriga cheia ... ♫


Antigamente, o blog era usado como diário, hoje em dia, como uma forma de publicidade, não que isso seja ruim, mas as vezes me incomoda.
Muitas empresas mandam seus produtos para as donas de blogs famosos, com o intuito de divulgar a marca, tá certo que seria meio indelicado da parte delas dizer que não gostaram do produto, mas também não precisa fingir que adorou uma coisa que é evidente que elas não gostaram.
Durante alguns meses, eu fiquei triste por não ter um blog famoso, mas agora, eu fico até feliz, pois pelo menos eu ainda posso escrever o que eu quiser.

domingo, 1 de abril de 2012

agora vem a verdade, as vezes eu minto ... ♫

Ninguém gosta de mentiras.
Sorrir pra disfarçar a tristeza é uma coisa pequena, mas incomoda, sorrir pra uma pessoa que você não gosta é pior ainda, mas há uma grande diferença entre não gostar de alguém e espalhar mentiras sobre a vida dessa pessoa.

sábado, 10 de março de 2012

cansei

Tô cansada de chantagem emocional, tô cansada de todo mundo me dizendo o que fazer, de coisas muito simples dando muito errado, do meu nome rolando em conversas de gente que eu nem conheço. Tô cansada de piadinhas preconceituosas, de cobranças desnecessárias, de perguntas que eu nunca saberei responder. Tô cansada de nadar e morrer na praia, de ter que escolher entre uma coisa e outra, de gentileza que não gera gentileza. Tô cansada de falsidade, de falta de educação, e até dessa mania besta que as pessoas tem de colocar milho e ervilha nas coisas, tô cansada do telefone, de ter que sair de casa no Domingo quando eu quero estudar, da pressa alheia, e da minha própria pressa também. Tô cansada de tudo, até mesmo de ficar cansada. :~

sexta-feira, 2 de março de 2012

porque sal é fundamental.


" Você ama o meu jeito largado de ser, adora meus olhos sempre pintados de preto e vez ou outra confessa uma queda pelo meu cabelo cor de chiclete. Treme na base quando eu não fujo das suas indiretas e se diverte com as girias do meu vocabulário. Acha incrivel como eu sei conversar horas a fio sobre as bandas que você gosta, quando te venço no video game, e falo dos livros que você leu. Fica extasiado quando eu não me troco por qualquer coisa, quando não mudo minha postura pra agradar ninguem e quando não tenho vergonha de assumir que eu sou mesmo assim, meio cara-de-pau, meio que distribui sorrisos. Diz que eu sou linda assim, muito mais que todas as suas amigas, mas eu suspeito. Adora meus papos de arte, meus sonhos de cair no mundo e adora me iludir que vai comigo, mas no fundo eu sei. Eu posso ser mesmo tudo isso aos seus olhos, mas no fim, na hora de andar lado a lado, de dar as mãos e apresentar nos almoços de familia são elas que você prefere. Elas, as que não tem nada do que voce tanto admira em mim. As que não sabem quem é Jimi Hendrix, Janis Joplin ou Eric Clapton, as que nunca viram uma tesoura de cabelo na vida, as que tem medo quando voce liga de madrugada e que só sonham em ter uma familia. As que você sempre diz que não possuem charme algum perto de mim. Eu sei, no fundo eu sempre soube. Mas quer saber? Talvez, eu que devesse ter vergonha de você. Porque um homem que esconde o que realmente quer, não é outra coisa que não motivo de vergonha. E no fim, talvez elas é que mereçam estar ao seu lado, alguem tão sem sal quanto. Antes sozinha do que amarrada a algum traste que não sabe o que quer. " (Gabriella Chame)

este texto foi escrito no California Calling, antigo blog da Gabriella, em 2010. Desde a primeira vez que eu li este texto, eu pensei: "nossa! tirando a parte do cabelo cor de chiclete e do video game, parece a minha vida." . Apesar de ter sido por causa de uma pessoa em especial (que já foi embora da minha vida), o texto ainda faz todo o sentido, acho que isso vale para todos os tipos de relacionamento, pois grande parte também se aplica àqueles amigos (ou familiares) que dizem que te aceitam, mas fazem coisas "desnecessárias".

domingo, 26 de fevereiro de 2012

... fashion, put it all on me ... ♫ (parte2)


Criei a minha conta na Fashiolista em 2011 (ou lá pelo fim de 2010, não me lembro muito bem) e me viciei em amar várias coisas lá (o site é como um we♥it, mas tem haver com moda), e depois de um tempo eu ficava bem triste por não ter várias coisas, mas mesmo assim não me considero consumista, porque muita coisa que eu vejo, seja na internet, vitrines e etc, eu não usaria. Mas depois, me dei conta de que seria mais legal fazer (que nem os broches/bottons que hoje em dia eu tenho muita preguiça de fazer :~ ) ou comprar em bazar/brechó. (mesmo antes de ser universitária, a minha grana sempre foi curta)

Muitas pessoas tem preconceito com roupas de segunda mão, (mas adoram pedir a roupa de outra pessoa, o que é praticamente a mesma coisa) mas eu não dou muita importância pra isso. No Lookbook existem várias pessoas estilosas que compram em lojas desse tipo, e as roupas são lindas.

OBS1: existem vários tipos de brechós, mas geralmente, os mais baratos são os de caridade.
OBS2: nesses casos, eu acho que a compra meio que  por impulso é válida, afinal, só existe uma peça lá, e você não sabe até quando. Mas, pense se a peça te agrada ! (e óbvio, se está em bom estado)
OBS3: pode ser hipocrisia da minha parte, porque apesar de ser vegetariana, compro coisas de couro em brechó, mas eu penso que isto é menos pior do que comprar em lojas, porque a peça já existe a muito tempo, e se essas peças forem compradas em lojas, serão fabricadas cada vez mais. Por exemplo: essa bolsa da Hermés é de pele de carneiro, achei linda, mas eu não compraria, por isso acho que comprar peças de couro em brechó é menos cruel. (e pra quem gosta de O Diário da Princesa, no livro Lições de Princesa, a Mia faz comentários sobre peças que tem relação com a matança de animais. - o livro é muito legal, eu recomendo).
OBS4: na Revista Galileu (de Março/2012), tem uma matéria legal sobre brechós, mas é mais destinada a quem quer montar um.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

The All American Rejects - Beekeeper's Daughter

(faz um tempo que eu queria compartilhar algo sobre o T.A.A.R. aqui, conheci as músicas da banda em 2009, através de um dos meus melhores amigos / este vídeo foi lançado no dia 02/02, e apesar d'eu assistir quase todos os dias, eu esqueci de fazer um post.)
Mais uma música pra minha lista de músicas que me lembram o Carnaval (não apenas pelas dançarinas que aparecem no vídeo).
Com a melodia fofa, um clip muito bom de assistir, essa música é sobre amar alguém que você precisa deixar ir (não era pra isso rimar).
Assim como as imagens e o figurino, a dança do vídeo também é muito legal, assim como a maquiagem, dá pra aprender aqui.

... a juventude que nunca morrerá ... ♫ ♥

(a maioria das pessoas que eu admiro nasceu em fevereiro, mas não é todo dia que eu tenho criatividade pra escrever algo aqui)
Hoje é aniversário do Roberto Gomes Bolaños.
Todo mundo sabe o quanto eu gosto de Chaves, então, esse post é pra dizer (mais uma vez) que eu adoro o seu trabalho e agradecer por todas as risadas que o seriado me trouxe.
- apesar dos pesares, eu gosto de todo mundo que trabalhou no seriado-
parabéns Roberto!

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Tim Burton ♥

em Outubro do ano passado ,eu comprei o livro O estranho mundo de Tim Burton [Paul A. Woods, editora Leya ; tradução de Cassius Medauar] - fiquei louca, porque só tinha um na livraria, e eu fiquei duas semanas indo e vindo a pé da faculdade só pra juntar o dinheiro- e depois de terminar o livro, bateu aquele arrependimento de não ter visto todos os filmes dele (o livro contém resenhas sobre a maioria dos filmes), e também bateu aquela saudade dos que eu já não vejo há um tempo.
Na maioria dos capítulos, os textos são bons de ler, e deixam o leitor morrendo de vontade de ver os outros filmes mencionados no livro (tanto os dele que não foram citados, mas estão na lista do livro, quanto os que o influenciaram) .
Confesso que eu já adorava muita coisa que ele fez, inclusive o livro infantil (?) The Melancholy Death of Oyster Boy (a maioria das poesias é triste, mas os personagens são apaixonates), mas depois deste livro eu me apaixonei ainda mais e também entendi perfeitamente uma associação que uma professora minha fez entre o trabalho dele e o Surrealismo.
Eu poderia escrever mil coisas aqui, mas tem mais graça quando se lê o livro.

obs: o título original do livro é: Tim Burton: a child's garden of nightmares .

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

... don't take it away from me, because you don't know what it means to me ... ♫

Hoje é Dia dos Namorados (dia oficial) . Confesso que eu reclamei muitas vezes por estar sozinha nesta data, mas hoje em dia, não me importo mais, e acho que ninguém que está na mesma situação deveria se importar, pois deve ser muito ruim mais um dando palpite na sua vida e querendo te controlar.
Muitas pessoas acham que só porque elas estão com alguém que as ama, a pessoa tem que fazer tudo o que elas querem porque é por amor, mas a maioria não pára pra pensar uma coisa óbvia, que antes de ter um namorado(a) a pessoa tinha uma vida, e apesar de ter aparecido alguém importante, não quer dizer que foi uma lavagem cerebral.
 Eu sei, é claro, que nem todo mundo é assim, mas por via das dúvidas, eu prefiro não arriscar ...

E pra quem não vive ditaduras no relacionamento ... Feliz dia dos namorados! :)

blogs que eu leio

sigo vários blogs, tumblrs, sites e etc, e mesmo que eu não visite todos os dias, existem aqueles que eu gosto muito de visitar, indicarei alguns.

1- Just Lia - de tudo um pouco: maquiagem, ilustrações fofas, bonecas, decoração, moda, nostalgia e promoções, e uma coisa muito importante, sinceridade (!) (sério mesmo gente, não precisa ficar elogiando tudo no seu blog, você testa/experimenta as coisas pra saber se gosta ou não.)

2- Princesses Gone Wild - pra quem gosta de histórias de princesas/ contos de fadas, rock n' roll, body modification e Photoshop. É lindo!

3- Um ano sem Zara - dica legal pra quem está com o armário cheio e o bolso vazio, e também pode ser uma boa pra quem não sabe em que roupa/acessório investir.

4- Deveria Estar Estudando - moda (principalmente looks do dia), viagens e decoração. (o closet da dona do blog é um sonho!)

5- Refletindo Moda - reflexões sobre moda (como o próprio nome já diz), rock n' roll, decoração e inspirações. E tem um layout LINDO !

6- Pano Hippie - pra você, hippie ou não, que gosta de fazer artesanato.

7- X-Men Blog - sei que é muito difícil gostar de quadrinhos hoje em dia, afinal é muito difícil encontrar as revistinhas, às vezes você encontra em sebos (em Três Rios-RJ e Juiz de Fora-MG é relativamente fácil encontrar), mas mesmo quando o preço é menor do que o de capa, é de cortar o coração, porque se você não comprar na hora, corre o risco de não encontrar no dia seguinte, e como são muitas publicações, (já que X-Men nasceu em 1963 e desde lá são muitas gerações e histórias paralelas) fica difícil comprar tudo em um dia só. Este blog é a salvação dos fãs de X-men.

8- Quadrinhos Antigos - vale a mesma coisa que eu disse acima, mas nesse são vários gêneros. Ia acabar este mês, mas ainda bem que não acabou!

9- Tiras Snoopy - para os fãs de Snoopy !

10 -Ponto de Desequilíbrio - opiniões e fotos de uma garota de atitude.

11- I Want Your Paradise - é um blog bebê, mas é de uma menina muito inteligente, estilosa e que desenha muito bem.

12- Vitrine Empoeirada - moda, maquiagem, dicas sobre intercâmbio, livros e muitas outras coisas legais, e também, muita sinceridade.

13-Moda, Make up e Rock - moda, maquiagem rock, sapatos (principalmente Melissas) e dicas sobre lojas e cabelos vermelhos.

14- Groupies' Lounge - não sou muito fã de groupies, mas não indicaria esse blog se não fosse legal. É cheio de histórias interessantes.

16- Apenas Aprendendo A Viver - cotidiano de um garoto.

17- Sob Influências e 18-Killing For Metal- ótimos blogs para descobrir bandas legais, ou para conhecer mais músicas de bandas que você já conhece.

19-Cut Out And Keep - pra quem quer aprender artesanato, culinária, tricô, costura e outras mil coisas.

20-Cereja de Neve / Cherry Snow - moda, rock, maquiagem e cosplay.

21- A Series of Serendipity - fotos do cotidiano de uma moça muito fofa.

obs: é claro que nesta lista existem blogs de amigos/parentes/pessoas conhecidas, mas eu não indicaria se eu não achasse que vale a pena, em breve indicarei outros blogs.

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Duff Mckagan, " ... you got some fucking attitude ... ♫"

(aproveitando que o Duff fez aniversário no último dia 6 e o post que eu fiz ontem)
Em 2008 eu entrei no mundo das redes sociais e conheci o som do Guns n' Roses (quase aqueeeeeeele Guns n' Roses, pois na época em que o show foi gravado, o Steve Adler já havia sido demitido da banda; não tenho nada contra o Matt Sorum, afinal, ele não teve culpa), pois uma amiga me emprestou o DVD Use Your Illusion II; quando o Axl apresentou a banda, eu me apaixonei pelo Duff e achei o sobrenome dele lindo (na época, eu também queria aprender a tocar baixo só por causa dele!), então resolvi usar o mesmo sobrenome nas redes sociais (na verdade, é assim até hoje).
Desde aquela época também sou apaixonada pelo estilo dele, durante muito tempo procurei coisas parecidas. Apesar do Guns n' Roses não ser uma banda punk, o Duff tinha (e ainda tem, mas hoje em dia, mais moderado) muito disso no seu visual (como por exemplo as calças e a corrente com cadeado, estilo Sid Vicious, e também as camisetas do CBGB - lugar conhecido como o berço do punk rock dos Estados Unidos).
Obviamente, é muito triste comparar o Guns n' Roses de antigamente com o atual, mas depois de saber o motivo pelo qual o Duff saiu da banda, eu acho que foi bem melhor pra ele.

obs1: não postei nada sobre os outros trabalhos do Duff, (Velvet Revolver e Loaded) pois como não sei muita coisa a respeito, não me senti bem para fazer isto.
obs2: o Duff realmente gosta de punk rock, essa música do título do post é da banda Misfits, e o Guns n' Roses fez um cover dela, cantado pelo Duff.
obs3: pra quem quiser saber mais sobre a banda, tá aí a Biografia do Guns n' Roses, exibida pelo VH1, com depoimentos do Duff, do Steve e do Matt,  e também com depoimentos de membros de outras bandas como o Lars Ulrich (Metallica) e o Joe Perry (Aerosmith), e também de outras pessoas que conheceram e trabalharam com a banda.
parte 1 / parte 2 / parte 3 / parte 4 / parte5 / parte 6.

sábado, 11 de fevereiro de 2012

you taste just like glitter mixed with rock and roll ♫

(procurei uma foto legal pra ilustrar o post, mas não encontrei)
Esta música do título é da Lady Gaga (da época em que eu ainda a achava legal), mas quando escuto este trecho, automaticamente me lembro de bandas de Glam Rock/ Hair Metal ou Hard Rock (apesar do som ser diferente, quando eu vejo algumas fotos, me parecem que todas são iguais, apesar de eu saber que não são).
Muitas pessoas tem preconceito com o visual destas bandas, mas é um visual muito legal, tanto a maquiagem como as roupas, e tem dias que me dá muita vontade de me vestir igual, já recebo vários olhares tortos na rua, logo não faz diferença, mas o cabelo armado fica lindo neles, já em mim ...
Outro dia assistindo um vídeo do Mr. Big , fiquei apaixonada pelo violão do Paul Gilbert (e depois, frustrada por não saber tocar violão :/) então, comprei um esmalte que tem um efeito parecido; e eu também adorei a roupa do Eric Martin.
Como eu já mencionei, muita gente não gosta do visual das bandas, apesar de espalhafatoso, é bem democrático, muitas roupas referentes ao estilo podem ser usadas tanto por meninos quanto por meninas. Muito se fala sobre regras pra se vestir, mas isso cai por terra quando a roupa, o cabelo e a maquiagem combinam perfeitamente com a pessoa que as usa.

obs: acho alguns textos meus horríveis, mas torço para que quem os lê, - se é que alguém ainda os lê-  os entenda.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

... pour some sugar on me ... ♫

adoro esta tirinha (e também este livro, talvez eu conte a história dele aqui algum dia ...) e concordo com o que a Lucy diz.
Não acho que ser azeda seja uma coisa ruim, é claro que quando a pessoa é azeda"de graça" , isto se torna desagradável, mas quando a pessoa tem os seus motivos para ser assim, isto é perfeitamente aceitável.
Eu sou azeda, e me orgulho disto, e não é a mesma coisa que falta de educação; cada um recebe o respeito que merece, apesar de em certos momentos eu achar que eu deveria ser bem mais azeda do que eu sou agora ...

com um dia de atraso.

Ontem foi aniversário do Yves Passarell. Ele é um dos meus Capitalianos preferidos (na verdade eu direi isto de todos, mas eu amo cada um de um jeito diferente), pois eu comecei a gostar da banda pouco tempo depois d'ele entrar lá; e ele foi o segundo integrante cujo nome eu descobri (estava escrito em uma foto que veio na revista com a programação da TV / foto esta que eu tenho até hoje). O cara é muito talentoso e simpático, e por isso, mesmo com um dia de atraso, eu resolvi fazer este post.
Desejo-lhe muitos anos de vida, de Rock n' Roll e de Capital Inicial !

obs1: eu fiz post de aniversário pro Fabiano Carelli também, e o Flávio faz aniversário um dia depois, mas naquele dia eu falei tanto do aniversário dele que até achei que eu tinha feito post aqui :/
obs2: antigamente o Yves fazia parte de uma banda de metal chamada Viper, com o irmão dele, Pit Passarell, no baixo; o Andre Matos foi vocalista nesta banda.
obs3: o Yves tem um filho muito fofo chamado André; vi uma vez no TV Xuxa, e ele tava usando uma blusa do AC/DC; estava uma gracinha. :3

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

... vou desligar, não me ligue mais ... ♫

A comunicação hoje em dia é melhor. Mas como tudo tem o seu lado ruim, isso fez com que as coisas "desnecessárias" (não consegui pensar em um termo melhor) se espalhassem mais rápido. Antigamente as pessoas escreviam cartas (e quem as recebia era que pagava) e quase ninguém tinha telefone, é claro que pra quem vivia naquela época, isso poderia ter soado péssimo em alguns momentos, porém hoje em dia, isso parece muito melhor pra mim, visto que as pessoas que eu não quero que me liguem (porque só vão dizer coisas que elas poderiam dizer em qualquer outra hora) simplesmente não poderiam me ligar, e nenhum telefonema estragaria o meu humor na hora em que eu estivesse vendo televisão quando não tivesse mais ninguém além de mim em casa (e eu também não poderia atender o portão, porque as meninas da minha idade não podiam chegar no portão). E as pessoas que ficam me perguntando coisas idiotas via Facebook, Orkut e afins simplesmente teriam que pagar pra receber a minha resposta, logo, é óbvio que elas não perguntariam. Seria bem melhor desse jeito ...

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

19 !

(Janeiro me lembra muitas coisas, como por exemplo: aniversário de morte da Guga, dia de São Sebastião, aniversário de morte do Heath Ledger, e trocentos aniversários aqui em casa, inclusive o meu - que é o motivo desse post.)

Em poucas horas, completarei 19 anos, lembro que quando estava as vésperas de fazer 15, ficava me perguntando porque as meninas planejam tanto a tal festa de 15 anos, e às vésperas dos 18 estava arrependida por não ter feito dos meus 17 anos, uma idade bem vivida como fez a Natasha (sim, sempre ela). Os meus 18 anos foram legais, na verdade, eles foram bem menos do que eu esperava, mas o que fez dessa idade uma idade legal, foram as coisas que tinham uma chance muito pequena de acontecer, mas aconteceram.
Desde os 15 anos, eu penso em uma música pra idade que eu tenho, e não pensei em nenhuma para os 19 ( e agora que o rádio daqui de casa está ligado, mas com umas músicas bem chatas, eu sei menos ainda). Este ano já começou comigo abrindo mão de coisas que eu queria muito, então faço menos ideia de como vai ser do que nos anos anteriores, porém espero que essa idade que está por vir, seja tão feliz quanto eu queria que as outras fossem.